24/08/2021 às 15h43min - Atualizada em 25/08/2021 às 00h00min

Pesquisa da Repom aponta que 85% dos caminhoneiros nunca tiveram um atendimento por telemedicina, mas 68,5% deles estão dispostos a ter a experiência

Levantamento mostrou que 80% destes profissionais aumentaram a preocupação com a saúde durante a pandemia e 66% não têm acesso a algum tipo de auxílio ou serviço de saúde

SALA DA NOTÍCIA Glaucia Galmacci

Um levantamento da Repom, marca da Edenred Brasil especialista em soluções de gestão e pagamento de despesas para o mercado de transporte rodoviário de carga, realizado em maio de 2021, com mais de 340 caminhoneiros usuários do cartão Repom, reforçou a necessidade da categoria no cuidado com a saúde. O estudo revelou que 85% dos caminhoneiros nunca tiveram um atendimento por telemedicina, mas 68,5% deles estão dispostos a ter a experiência. 

Outro dado apontado pela pesquisa da Repom é que a preocupação com a saúde aumentou para 80% desses profissionais em relação a si mesmos e suas famílias, mas 41% ainda não têm o hábito de realizar exames periódicos e acompanhamento preventivo com frequência. 66% afirmou não ter acesso a algum tipo de auxílio ou serviço de saúde.

Uma pesquisa anterior da marca, realizada em parceria com a consultoria Haras em março de 2019, já indicava a necessidade de ações voltadas à saúde desses profissionais. Segundo o levantamento, 78% dos trabalhadores do setor buscavam atendimento médico apenas quando sentiam dores ou outros sintomas evidentes, e apenas 17% realizavam exames de rotina periodicamente.

A modalidade de telemedicina teve sua importância evidenciada desde o início da pandemia de covid-19 no Brasil. Em parceria com a VidaClass, plataforma online que permite acesso a serviços médicos, odontológicos, de diagnósticos e tratamentos, a Repom oferece a transportadoras e caminhoneiros autônomos opções de assistência à saúde, com telemedicina disponível 24 horas por dia sete dias por semana, com atendimento de clínicos gerais e pediatras, emissão de guias para exames complementares e receitas médicas, sem limite de uso ou custo adicional. Esta é uma novidade lançada pelas empresas para os profissionais do setor que aderiram ou vão aderir ao Saúde Caminhoneiro, um serviço de saúde exclusivo e completo, cujo foco é atender os motoristas e seus familiares em todo o País, com preços acessíveis, sem carência ou diferença de valores por idade. A parceria entre as empresas teve início em 2020 e ampliou o portfólio de serviços da Repom, que confirma o seu companheirismo e dedicação aos caminhoneiros.

“Nossa inspiração ao criar o Saúde Caminhoneiro foi a oportunidade de contribuir para que os profissionais do transporte rodoviário e suas famílias tenham acesso a cuidados essenciais para a saúde e o bem-estar de todos nas estradas. Com uma cobertura completa de cuidados com a saúde, que inclui consultas, exames e descontos em 13 mil farmácias e mais de dois mil medicamentos, e um custo acessível à realidade desses profissionais, queremos garantir o atendimento de serviços essenciais à população”, afirma Andrea Beatrix, Diretora de Benefícios aos Caminhoneiros da Repom.

Por meio da parceria entre a startup de saúde VidaClass e a Repom, três opções são oferecidas aos caminhoneiros – todas com a oportunidade de contratação individual para os dependentes. Elas incluem uma plataforma on-line completa de serviços médicos, odontológicos e de diagnósticos, como consultas e exames com descontos de até 70% no valor. 

Outros diferenciais do Saúde Caminhoneiro são a inclusão de seguros de vida e assistência funeral nas opções de serviços, além de diárias de internação hospitalar de R$ 250,00, que totalizam até R$ 7.500,00 por mês, de forma a apoiar o caminhoneiro que, neste período, fica impossibilitado de manter as atividades profissionais. Ainda, são disponibilizadas a entrega de medicamentos para todo o País e os serviços assistenciais de apoio à rotina, como socorro mecânico e reboque que podem ser acionados pelos caminhoneiros e seus familiares, além de serviços de apoio a acidentes com pernoite e transporte. 

“O Saúde Caminhoneiro não é apenas sobre saúde, mas também inclusão social para um grupo de pessoas extremamente vulneráveis, que tiram o seu sustento das estradas e precisam de apoio nesta jornada. Para incentivar e valorizar as transportadoras que oferecem a solução para seus motoristas, a Repom criou um selo chamado Saúde e Bem-Estar, que certifica a responsabilidade social e cuidado com a classe ao adquirir a assistência Saúde Caminhoneiro. Assim, o contratante poderá também incentivar esta prática do mercado, e garantir mais segurança ao seu frete, que estará sob responsabilidade de um motorista respaldado e que tem acesso à serviços de prevenção a doenças e cuidados com a saúde.”, destaca Beatrix.

Ao optar pelo produto, o motorista e seus familiares terão acesso a uma rede de mais de 25 mil profissionais de saúde, distribuídos em mais de 1.300 cidades brasileiras, 35 mil postos de serviços e 2.600 laboratórios. As opções de assistência, a partir de R$ 49,90, também dão acesso a um clube de vantagens, com descontos em hotéis e restaurantes, e a sorteios com prêmios a partir de R$ 5.000,00 por semana.

A Repom intermedia mais de 30 milhões de transações por ano, com mais de 1 milhão de caminhoneiros utilizando suas soluções. Com mais de 28 anos de experiência no mercado rodoviário, reúne um portfólio completo de soluções para toda a cadeia logística, com foco em frota pesada, seja ela própria ou terceirizada, resultando em ganho de tempo para a indústria, transportador e caminhoneiro. 

Para contratar o produto, basta que o motorista acesse o site https://www.vidaclass.com.br/insurancerepom, ou baixe o aplicativo da Repom.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://professortaon.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp