23/08/2021 às 11h22min - Atualizada em 23/08/2021 às 11h22min

Nesta segunda-feira (23), termina o prazo para coleta da Matrícula Inicial do Censo Escolar 2021

Censo escolar é a principal pesquisa estatística da educação básica no Brasil.

Da Redação
Foto: Censo Escolar - Divulgação MEC

O período para declarar as informações da primeira etapa do Censo Escolar 2021, referente à Matrícula inicial, termina nesta segunda-feira (23).

Nesta etapa, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) coleta dados sobre os estabelecimentos de ensino, turmas, alunos, gestores e profissionais escolares em sala de aula. As 186.203 escolas ativas têm até as 23h59 da data prevista para informar seus dados. Os dados são do Ministério da Educação (MEC).

 

A declaração das informações do Censo Escolar é realizada por meio do Sistema Educacenso e pode ser feita de forma on-line ou por migração de dados. O sistema conta com algumas funcionalidades para ajudar no processo, como o “Fechamento”, que permite validar as informações para assegurar a confiabilidade do que foi declarado, possibilitando que a escola corrija determinada informação antes do envio, se for o caso. Essa verificação ocorre por meio do cruzamento dos dados dos diferentes formulários do sistema. Por meio da ferramenta, a escola também pode concluir a declaração e emitir o recibo de entrega. Afirma o MEC. 

 

Monitoramento – No portal do Inep, também é possível acompanhar as declarações. O painel Mapa da Coleta apresenta dados quantitativos de escolas e matrículas por unidade da Federação, município e dependência administrativa. Com isso, os gestores e a população podem verificar o andamento da pesquisa estatística.

Etapas – A coleta das informações do Censo Escolar é dividida em duas etapas. Na primeira (em andamento), referente à Matrícula Inicial, o Inep apura dados sobre os estabelecimentos de ensino, turmas, alunos, gestores e profissionais escolares em sala de aula. Após a conclusão dessa etapa inicial, tem início a apuração sobre a chamada Situação do Aluno, em que são levantadas informações relativas ao “movimento” — quantos foram transferidos, deixaram de frequentar a escola ou faleceram — e ao “rendimento” dos estudantes — quantidade de aprovados ou reprovados —, ao término do ano letivo. Os resultados finais da primeira etapa da pesquisa serão divulgados em janeiro de 2022.

Censo Escolar – Principal pesquisa estatística da educação básica, o Censo Escolar é coordenado pelo Inep e realizado, em regime de colaboração, entre as secretarias estaduais e municipais de Educação, com a participação de todas as escolas públicas e privadas do País. O levantamento abrange as diferentes etapas e modalidades da educação básica: ensino regular, educação especial, educação de jovens e adultos (EJA) e educação profissional.

As matrículas e os dados escolares coletados servem de base para o repasse de recursos do Governo Federal e para o planejamento e a divulgação de dados das avaliações realizadas pelo Inep. O censo também é uma ferramenta fundamental para que os atores educacionais possam compreender a situação educacional do Brasil, das unidades federativas e dos municípios, bem como das escolas, permitindo acompanhar a efetividade das políticas públicas.

Essa compreensão é proporcionada por meio de um conjunto amplo de indicadores que possibilitam monitorar o desenvolvimento da educação brasileira, como o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (ldeb), as taxas de rendimento e de fluxo escolar, a distorção idade-série, entre outros. Todos são calculados com base nos dados do Censo Escolar e parte deles servem de referência para as metas do Plano Nacional da Educação (PNE).

Para acessar o Sistema Educacenso - http://censobasico.inep.gov.br/censobasico/#/

 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://professortaon.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp